Carregando...
JusBrasil - Notícias
22 de novembro de 2014

TJ acolhe pedido de PM reformado para majorar valor da aposentadoria

Publicado por Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (extraído pelo JusBrasil) - 4 anos atrás

LEIAM 0 NÃO LEIAM

Por unanimidade, o Órgão Especial do TJMS, em sessão deste dia 29 de setembro, concedeu a ordem do Mandado de Segurança nº ajuizado por M. A. Z. em face do Governador do Estado de Mato Grosso do Sul e Estado de Mato Grosso do Sul em razão de sua transferência para a reserva remunerada em inobservância com a Lei Complementar (LC) nº 53/90.

O policial militar reformado sustentou que foi aposentado em decorrência de acidente de trabalho, sendo considerado inválido pela junta médica. Entretanto, em vez de ser promovido e receber os proventos correspondentes a 2º Sargento da PM, está recebendo aposentadoria equivalente a Soldado da PM, devido a parecer ilegal aprovado pelas autoridades coatoras, ferindo, dessa forma, o art. 47 da LC 53/90.

Conforme o relator do processo, Des. Rêmolo Letteriello, “o Estado tem autonomia política e administrativa para elaborar legislação que estabeleça, segundo seus critérios próprios, as condições de transferência do militar para a inatividade, sendo lícito disciplinar que, ao passar para tal condição, o militar será promovido ao grau hierárquico superior”.

O relator, ao analisar os autos, constatou que o policial sofreu acidente de trabalho que o deixou totalmente inválido, razão pela qual, acrescentou: “Incontestável a aplicação dos arts. 47, VIII, c.c. o 99 da LC 53/90, os quais asseguram expressamente o seu direito à reforma com proventos integrais, observada a remuneração calculada com base no soldo correspondente ao grau hierárquico imediatamente superior ao que possuía na ativa”.

Por tais razões, a segurança foi concedia para determinar a promoção do PM à graduação de 2º sargento, com a imediata implementação do pagamento dos valores de aposentadoria calculados com base nesta nova qualificação, a contar da data do ajuizamento da ação. O relator foi acompanhado pelos demais membros do Órgão Especial que participaram do julgamento.

Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul

Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul

Estado de Mato Grosso do Sul foi criado pela Lei Complementar n. 31, de 11 de outubro de 1977, que estabeleceu o Poder Judiciário do Estado juntamente com os demais Poderes. A lei dispôs que o Tribunal de Justiça seria composto de sete desembargadores e que a justiça de primeira instância seria cons...


0 Comentário

Faça um comentário construtivo abaixo e ganhe votos da comunidade!

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "gritar" ;)

ou

×

Fale agora com um Advogado

Oi. O JusBrasil pode te conectar com Advogados em qualquer cidade caso precise de alguma orientação ou correspondência jurídica.

Escolha uma cidade da lista
Disponível em: http://tj-ms.jusbrasil.com.br/noticias/2398634/tj-acolhe-pedido-de-pm-reformado-para-majorar-valor-da-aposentadoria