jusbrasil.com.br
23 de Fevereiro de 2020
    Adicione tópicos

    TJ julga nesta quarta ADI sobre número de vereadores em Corumbá

    Mais uma Ação Direta de Inconstitucionalidade está na pauta do Órgão Especial, na sessão que será realizada nesta quarta-feira (17), a partir das 14 horas, entre mandados de segurança, arguição de inconstitucionalidade e representação criminal.

    Desta forma, a ADI nº 1600015-09.2013.8.12.0000 foi ajuizada pelo Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) em desfavor da Câmara Municipal de Corumbá, buscando a declaração de inconstitucionalidade da Lei Orgânica do Município de Corumbá que, por meio da Emenda nº 030/2011, fixou em 15 o número de vereadores para a legislatura 2013/2016.

    O requerente alega que houve ofensa ao art. 29, IV, e, da Constituição Federal, que dispõe o número de 17 e não 15 de vereadores para municípios com mais de 80.000 e até 120.000 habitantes, como é o caso de Corumbá, cuja população alcança cerca de 104.000 habitantes.

    Pede o partido político a concessão de liminar para que sejam incluídos imediatamente no livro de posse de vereadores os nomes de A.M.G. e A.R.V., atuais suplentes de vereadores.

    Em manifestação, a Câmara Municipal de Corumbá afirmou não estarem presentes o fumus boni iuris e o periculum in mora, requisitos para a concessão da medida liminar, visto não existir o risco do perecimento do direito. A relatoria da ADI é do Des. Atapoã da Costa Feliz.

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)